"Cristãos na teoria nem sempre são
discípulos na prática"



terça-feira, 6 de junho de 2017

Tudo vai ficar bem!

"Pelo qual temos ousadia e acesso com confiança, mediante a fé nele." (Ef 3.12)
Deus não pode ser experimentado através de nossos cinco sentidos, mas, sim, através da fé em Jesus Cristo. "Mesmo que meus sentimentos me digam mil vezes não, eu quero confiar na Tua Palavra!" Há muito eu teria naufragado se tivesse confiado nos meus sentimentos volúveis e nas minhas emoções muitas vezes destrutivas. Precisamos viver pela fé, muitas vezes sem nada sentir, em meio às maiores tentações e tempestades, mas em comunhão ininterrupta com o Senhor. A  fé é um mistério, mas assim mesmo ela é maravilhosamente simples:  recebemos tudo o que Deus nos oferece por meio de Jesus Cristo, em uma confiança infantil, não com o intelecto, mas com o coração. O Senhor diz: "Dá-me, filho meu, o teu coração." Se você ainda não o fez, faça-o ainda hoje!
Entregue o seu caminho ao Senhor; confie nele, e ele agirá” (Salmo 37.5).
Nada é tão instável como os nossos sentimentos. Não se deixe influenciar negativamente pelas tendências do momento. Nem a lógica, o bom senso e as experiências servem de substitutos para a fé genuína. Na verdade, devemos pedir sabedoria e entendimento, mas em tudo nossa vida deveria ser determinada pela pergunta: “Senhor, que queres que eu faça?” Por isso, tome cuidado para que nada o afaste da íntima comunhão com o seu Senhor. O Diabo não consegue roubar de você a condição de filho de Deus, mas pode plantar pensamentos em seu coração que formam uma nuvem escura sobre a sua alma. Por isso, esteja atento! Nenhum cabelo cairá da sua cabeça sem o consentimento de Deus. Encoraje sua alma, pois o Senhor Jesus, com todo amor, certamente tomará conta do seu caso. O que acontecerá, porém, se alguma situação não prevista vier lhe importunar? Não diga, então: “Ó Senhor Jesus, eu não estou compreendendo tudo isso!” Deus não pede que você compreenda os Seus caminhos. No entanto, Ele espera, e com razão, que você confie n’Ele. Por isso, deposite seu destino confiadamente nas mãos de Deus. Deus não pede que você compreenda os Seus caminhos. No entanto, Ele espera, e com razão, que você confie n’Ele. Lembre-se novamente dos heróis da fé relatados na Bíblia. Não foi um ato ousado por parte de Abraão se lançar em uma aventura e mudar-se para uma terra desconhecida? Não foi uma ousadia para Noé construir uma arca mesmo estando muito longe de um rio? Esses homens experimentaram a glória de Deus somente porque confiaram Naquele que deu a promessa: “Eu estarei contigo!” As circunstâncias em nossa vida não existem para nos ensinar a temer, mas para fortalecer nossa fé. Para onde você dirige seus pensamentos? Em quem você confia quando as circunstâncias adiante se apresentam como um campo de pedregulhos? Entregue o seu caminho ao Senhor! Somente então Ele agirá e colocará as coisas em ordem. Você agora obedecerá à ordem e colocará as dúvidas da sua vida sob Seu comando? Talvez o Senhor Jesus esteja justamente esperando uma corajosa decisão de fé de sua parte. Você não precisa temer os seus passos futuros, que ainda desconhece. Pelo contrário! Você pode experimentar a maravilhosa intervenção por parte de Deus. É notável que nosso Senhor às vezes tira Sua gente da comodidade cotidiana. Isso, no entanto, é um teste de avaliação que serve para fortalecer a fé. Olhe para a frente! Lembre-se da mulher de Ló! Ela dirigiu seu olhar para trás – e perdeu a vida. Você, porém, não olhe para trás! Enfrente o risco da fé! Nós ficamos com medo e sofremos porque não incluímos o onipotente Deus como o mais forte nos planos da nossa vida! Confiar em Jesus significa demonstrar fidelidade. Não seja como um cata-vento, que a cada rajada se posiciona em uma direção diferente. O Senhor Jesus recompensará a sua firmeza, seja no casamento e na família, na vida profissional ou na igreja. Entregue o seu caminho ao Senhor e Ele fará com que o assunto que o preocupa ande no trilho certo.
O Senhor não Se descuidará daquele que Lhe é fiel e que confia sinceramente n’Ele! Como eu admiro a atitude de expectativa de Davi, quando ele afirma no Salmo 23.6: “Sei que a bondade e a fidelidade me acompanharão todos os dias da minha vida”.
Há pessoas que esperam tão avidamente pela chuva que, mesmo com o mais intenso brilho do sol, já vestem a capa e ficam surpresos quando começam a suar. Não é de admirar que com uma atitude de fé dessas a vida se torna um sofrimento. É natural que não conseguimos ficar livres de tempestades. Isso, no entanto, seria motivo para nos escondermos na toca de um rato? A ordem permanece: “Não se perturbe o coração de vocês” (João 14.1). Obedecer a essa ordem fará um bem imenso à alma! Assim, dê um toque de exortação ao seu coração se ocorrerem novas “arritmias espirituais” e se por isso pensamentos obscuros causarem pânico. O Senhor Jesus recompensará a sua fé. O Senhor não Se descuidará daquele que Lhe é fiel e que confia sinceramente n’Ele!